"O Corte" – A voz de Evangellyne Allins #NarraçãoMagnífica

Olá, Café Lover's! :) Confiram o primeiro vídeo da Narração Fantástica:

"O CORTE" – Espelho dos Olhos (21/09/2016) 👁 – Primeiro vídeo da #NarraçãoMagnífica (áudios importados da Exposição de Arte Espelho dos Olhos) – Alana Antonietti interpreta a protagonista Evangellyne Allins – A Série Espelho dos Olhos - Nicolas Catalano (via Café de Autores), clique e aprecie: https://www.youtube.com/watch?v=HniGGAG8a64 "– Corte – digo olhando para Zabeth, no reflexo do espelho. Ela, de maneira estática, começa a cortá-lo, sem dizer uma palavra sequer. Enquanto isso, vejo meus cabelos caírem, exageradamente, escorregando sobre o chão, sem dó, manchando-os de loiro. Minhas madeixas se desfazem como algo quebrável e inútil. Meu coração fica apertado. E eu tento ser forte. Mas não consigo. Eu nunca fui forte. Afinal, por que eu fui escolhida para sofrer? Paro. Desisto de olhar e de julgar-me. Escolho olhar fixamente para o chão, e as lágrimas começam a escorrer de forma natural. São as últimas, eu garanto. As que caem. Elas não são físicas; são lágrimas de um coração em desespero, no qual a escuridão predominou, atordoou o ser. No qual o medo persuadiu como uma faca cortando as etapas. Eu sou fraca. ••• Por fim, Zabeth Erukala está calada. Ela terminou de cortar meus cabelos com o mesmo rosto nulo. Meu olhar continuou fixo, incurável, por tempos. Em seguida, ela resolveu abrir um tubo acrílico de tinta preta, levando a tintura negra de cheiro forte diretamente aos meus novos e curtos cabelos. Meu nariz jamais esquecerá o aroma ingrato da tintura. Jamais. O tempo passou e as rigorosas pinceladas foram dadas. Por cerca de vinte minutos, ela pintou uniformemente o lado direito, com habilidade. Por cerca de quarenta, pintou o lado esquerdo. E, há cerca de uma hora, meus cabelos estão pretos como as trevas perversas. O desgosto é nítido. Foi o último passo. Eu não sei mais o que devo sentir. Involuntariamente, decido erguer meus olhos e olhar para o reflexo fatal. Sem pensar muito no que me estimula a ser corajosa, eu me olho. Sinto tudo se obscurecer aos poucos.

“Eu não sou mais Evangellyne Allins”. É como se eu tivesse outro. Outro olhar. Sinto-me diferente. Triste e amarga. Evangellyne sempre fora feliz, gostava de viver e de respirar o ar puro e fresco; procurar sentidos e sentimentos em cada item, demonstrando valores; apreciar as alegrias existentes que a vida proporcionara devido às revigorantes caminhadas. Ela queria evoluir. Tenho a certeza de que isso que sou no momento não é ela. Definitivamente. Mas... se essa não sou eu, quem realmente eu sou? Quem EU fui?" Páginas 110 e 111 do livro. Adquira já o seu exemplar! Livraria Saraiva: http://www.saraiva.com.br/espelho-dos-olhos-col-talentos-da-literatura-brasileira-8900184.html Amazon: https://www.amazon.com.br/Espelho-dos-Olhos-Nicolas-Catalano/dp/854280564X/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1474465921&sr=8-1&keywords=espelho+dos+olhos Livraria Cultura: http://www.livrariacultura.com.br/p/espelho-dos-olhos-15073293

Posts Em Destaque