Sobre emprestar livros...

Oi, oi, pessoal!

Como vão a vida e as leituras? Sou o Edu, do ig @weasleyzinho e o assunto de hoje vai ser algo que nem todos leitores praticam: o ato de emprestar livros.


Emprestar livros: sim ou não?

Se há uma coisa na qual temos o maior carinho e xodó são os nossos queridos livros. Seja velho, seja novo, seja bom, seja ruim, sendo um livro, nós bookaholics (fazendo o gringo) automaticamente temos uma vontade e um desejo de cuidar e proteger para que eles fiquem conservados para ‘sempre’.


Mas muitos leitores não gostam de emprestar livros, alguns com razão, sendo alguns dos motivos para isso: - quando a pessoa quer um livro, mas não quer LER, e demora oitenta e quatro anos pra ler cinquenta páginas. - quando a pessoa demora duas reencarnações para devolver seu livro e você tem que PEDIR uma coisa SUA. - a falta de cuidado que muitas pessoas não dão aos livros que nem deles são.


Mas nem sempre é assim. O ato de emprestar livros tem também suas vantagens que,

nem sempre conseguimos notar. Algumas delas são: - ao emprestar um livro, você, de certa forma, muda uma pessoa, deixa ela com mais conhecimento, seja sobre o determinado assunto do livro e também sobre gramática, já que quem lê, não tem dificuldades em redigir redações etc. - você pode discutir SOBRE o livro com a pessoa.


Quem leu um livro que ninguém leu sabe como é ANGUSTIANTE não ter com quem conversar sobre ele. - e o melhor: a pessoa pode também emprestar livros à você, o que é muito bom, já que às vezes você está duro/zerado/sem money para comprá-lo.


“Você empresta livros?” Vamos falar de experiência própria agora. As primeiras vezes que emprestei livros, não foram legais, em uma delas o livro não voltou, mesmo que eu tenha pedido, mas como ele estava velho e ganhei um exemplar novíssimo, deixei por aí. Serviu para que eu dissesse “NÃO” quando a mesma pessoa viesse pedir. Depois disso, fiquei um pouco receoso de emprestar. Mas isso passou. Desde então, emprestei muitos livros, fiz amigos virarem leitores, o que eles me agradecem muito. E também me emprestaram (e eu devolvi, juro, podem emprestar livros pra mim se eu pedir, tá?), e ainda emprestam, já que não posso comprar todos os livros que eu quero (acho que ninguém pode, né? Wishlist de leitor é infinita).


A minha leitura atual é A batalha do Apocalipse, que foi emprestado por um amigo, o que me deixou feliz, já que PRECISAVA ler esse livro (sou SUPER fã do Eduardo, mas A batalha do Apocalipse era o único que eu ainda não havia lido).


E vocês, como foi a experiência de vocês emprestando livros?

Posts Em Destaque